Vasco desiste de torneio em Brasília com o Flamengo, por falta de igualdade com rival

O plano de participar de um torneio amistoso com o Flamengo foi abortado no Vasco, que alegou desigualdade de condições financeiras com o rival para integrar um quadrangular que também previa a participação de Goiás e Atlético-GO.

Em entrevista à “Tupi”, o presidente Alexandre Campello alegou compromissos anteriormente estabelecidos para justificar a recusa, mas fato é que o Cruz-maltino não recebeu as condições exigidas para integrar o evento em Brasília, que foi abortado.

Sem as garantias de que teria igualdade de participação de lucros, de direitos e de propriedades, o dirigente deixou o projeto com o Rubro-negro para trás e avalia os próximos passos até o início da disputa do Campeonato Brasileiro.

Além do desacordo econômico, o projeto, segundo o Flamengo, foi um pouco dificultado pela saída de Jorge Jesus. Ainda sem treinador, o Rubro-Negro entende que deve dar ao futuro técnico mais tempo para treinos e vê o torneio como inoportuno.

“As coisas se complicaram um pouco com a saída do Jesus. Na medida em que a gente não sabe quando pode contar com o novo técnico”, disse o presidente Rodolfo Landim, em vídeo postado nas redes.

Assim, a comissão técnica do Vasco quer que a equipe enfrente ao menos um time da Série A antes da estreia na competição, inicialmente marcada para 9 de agosto, contra o Palmeiras, no Allianz Parque. Há algumas possibilidades em aberto. Uma é um amistoso local contra o rival Botafogo. Enquanto isso, o técnico Ramon Menezes faz observações em jogos-treino.

“Acredito que temos muito a crescer ainda e que podemos, sim, surpreender muita gente para conseguir algo maior no Brasileiro. Temos ainda a Copa do Brasil, a Sul-Americana, e podemos surpreender e conquistar algo”, disse Yago Pikachu.

admin

COMENTAR