Ex-Bayer Leverkusen é apresentado oficialmente no Vasco e reveja se jogará contra o Sport

Confiraoa Carlinhos, um dos cinco reforços contratados pelo Vasco para a disputa do Campeonato Brasileiro, foi apresentado oficialmente nesta terça-feira. Em sua primeira participação, agradeceu ao carinho dos vascaínos e revelou o desejo de construir uma “bela história” no clube.

– Fico feliz e que muitas pessoas estão acreditando em mim, muitas não me conhecem porque joguei muito tempo fora do Brasil. Espero que eu possa fazer uma bela história, que os torcedores possam gostar do meu futebol e que possamos ser felizes aqui.

Confira outros tópicos:

Passagem apagada pelo Guarani

– Vim para jogar o Campeonato Paulista e acabei me lesionando. Estava vindo de uma temporada fora do Brasil, quis voltar para o Guarani por motivos pessoais, era o nascimento da minha filha. Por sermos de São Paulo, eu optei por jogar no Guarani. Infelizmente não tive uma passagem boa por lá por causa da minha lesão, mas agora está tudo diferente. É um novo ano, um novo clube.

Estilo de jogo

– Gosto de jogar no meio-campo, sou aquele cara que chega bem para finalizar, finalizo muito de fora da área. Gosto de sempre de jogar com a bola nos pés e vou dar o meu máximo aqui. Para mim, jogar como número 10, 8 ou 5 é uma opção do treinador. Gosto de chegar na área e dar bastante opção. Trago da Europa taticamente muitas coisas boas, espero aprender muitas coisas boas aqui taticamente e também ensinar.

Interesse do Vasco

– O contato foi muito rápido. Eu estava em Portugal, acabou a temporada por lá, e eu vim de férias para o Brasil juntamente com a minha família. Eu estava em casa quando meu representante mandou mensagem falando que o Vasco estaria interessado em mim. Aí já foi uma grande surpresa. Quando você joga fora, volta para o Brasil e vê um grande clube como o Vasco interessado em você é um motivo de orgulho.

– Não pensei em outra escolha, não fraquejei. Disse: “Eu quero o Vasco”. Tive propostas de muitos clubes para jogar ou ficar na Europa, mas é o momento que estou mais feliz e mais pronto profissionalmente. Esse é o momento em que o Vasco está passando por mudanças. Agora tem um treinador que foi ídolo aqui, ele falou comigo, tive pouco contato até agora, mas estou gostando do projeto e muito feliz.

Por que o jogador brasileiro tem saído tão cedo do país?

– Quando se é jovem e você tem oportunidade ir para a Europa, eu não pensei duas vezes. Era um grande da Alemanha, o Bayer Leverkusen. Fui com 17 para completar 18 anos, fiquei pouco tempo, mas era um grande da Europa. Não pude demonstrar meu futebol porque era novo, mas pude adquirir experiência.

Por que escolheu o Vasco?

Tive muitas propostas, mas escolhi o Vasco porque é um enorme clube, conhecido no Brasil e mundialmente pelos ídolos que passaram aqui. É um orgulho e uma honra vestir essa camiseta. Espero que possamos fazer muitas coisas juntos.

Vantagens e desvantagens de ficar muito tempo fora do Brasil

– Joguei com treinadores diferentes, vários modelos de jogos e que agora estão sendo implantados aqui. Também me atrapalha um pouco por não ter jogado muito no Brasil. Assim como me adaptei à Europa, estou fazendo o caminho contrário e espero me adaptar também.

Adaptação ao futebol brasileiro

Campeonato Brasileiro é daquele jeito, com jogo toda quarta e domingo. Venho de uma temporada onde jogávamos um jogo só no fim de semana. Espero que minha condição física me ajuda e que eu possa estar pronto para quando tiver minha oportunidade.

Expectativa de jogar no Maracanã

– Nesses jogos que vimos os jogadores de verdade. Sempre gostei de jogar contra grandes adversários. Aqui no Brasil estaremos sempre jogando contra grandes clubes. Meu sonho sempre foi jogar no Maracanã. Se jogarmos no Maracanã, sempre jogaremos clássicos. Espero que eu possa ser feliz lá marcando gols e ajudando o Vasco.

admin

COMENTAR