Ricardo Sá Pinto treina, implanta novidades e é elogiado, veja como foi

Quebra de paradigma, foi o grande ensinamento de Ricardo Sá Pinto, em seu primeiro treinamento com o Vasco da Gama. O treinador reuniu o grupo de jogadores do clube por volta das 14 horas desta segunda-feira (19), já que, na parte da manhã, o time recebeu algum descanso, por conta da maratona de jogos.

O trabalho foi rápido e foram usados os mesmos jogadores que iniciaram a partida contra o Internacional, inclusive, com o questionado Pikachu,  que tem sido o alvo da torcida do Vasco, nos últimos jogos. O que chamou a atenção foi o trabalho tático com bola aos jogadores que iniciaram a partida contra o Internacional. Tal atitude deixou ótima impressão, já que não se via isso dentro do clube há muito tempo.

De manhã na embaixada, de tarde TREINO!

O treinador precisou fazer um ‘corre’ no consulado português, para obter a documentação de trabalho no país. A novidade é que Ricardo Sá Pinto já foi liberado para trabalhar e teve seu nome divulgado no BID. Por conta disto, ele poderá estar a frente do Vasco, já no jogo contra o Corinthians, na próxima quarta.

Além do treinamento em campo, o técnico também teve um bate-papo aberto com os jogadores. Logo depois, o plantel foi dividido em dois.

Ricardo Sá Pinto é observado por Werley e Vinícius em seu primeiro treino à frente do Vasco — Foto: Roberto Rosendo/Vasco.com.br

Ricardo Sá Pinto é observado por Werley e Vinícius em seu primeiro treino à frente do Vasco — Foto: Roberto Rosendo/Vasco.com.br

Titulares fazem trabalho de academia e reservas vão a campo

Assim que o papo terminou, o treinador encaminhou os atletas que jogaram contra o Inter, para a academia, para trabalho de força. Já os reservas foram a campo e puderam experimentar as novas estratégias do treinador. O coletivo que foi apitado por Rui Mota, auxiliar do português. Acompanhado de Alexandre Grasseli, ex-treinador do sub-20 e agora auxiliar permanente do Vasco, Sá Pinto assistiu à atividade da social de São Januário. De lá, os dois trocaram ideias antes de voltarem ao gramado.

Boa impressão deixada por Ricardo Sá Pinto

A injeção de ânimo já foi notória. O treinador chegou com fás novo, sem ranço e, aliás, sem conhecer exatamente o Vasco da Gama, já que foi surpreendido com o atraso de salários. Isto pode parecer ruim, mas não foi. Ele chegou com metodologia nova e sem barreiras.

– A energia com que o Mister chegou é impressionante. Pode ter certeza que contagiou a todos essa vontade de fazer bem feito e desenvolver um grande trabalho. Tenho certeza que nós teremos uma reação positiva, com vitórias – disse Grasseli.

Dos mais jovens às lideranças do elenco, comentários positivos sobre Ricardo Sá Pinto não foram poucos, desde “boa impressão” a “cara maneiro”.

admin

COMENTAR