Martín Benítez ainda pode ficar no Vasco, entenda

Martín Benítez chorou em seu último dia de Vasco, mas as lágrimas do meia podem não ser de adeus. O presidente eleito Jorge Salgado ainda sonha com a continuidade do jogador e espera retomar as conversas para avançar no tema nos próximos dias.

Em seus últimos dias de mandato, Alexandre Campello viu que a negociação com o Independiente (ARG) seria complicada e deixou o assunto em segundo plano.

Campello chegou a demonstrar otimismo em relação a um final feliz em publicação feita no início do mês passado, antes de todo o imbróglio que se tornou a eleição do clube. Com a indefinição quanto ao novo mandatário – o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ) decidiu apenas no último dia 17 -, as conversas não avançaram da forma esperada.

Agora, a ideia do novo presidente é pedir prorrogação e negociar valor de compra, pois o novo prazo ajudaria no tempo que a nova diretoria precisa para assumir o Cruz-maltino. Os argentinos pedem 4 milhões de dólares (cerca de R$ 20,8 milhões).

Essa reaproximação anima a futura gestão e também o jogador, que estava completamente adaptado ao clube e ao Rio de Janeiro. Este movimento não significa que o negócio será fácil, mas é um passo importante.

O clube resolveu seu problema mais urgente com a confirmação de Vanderlei Luxemburgo como técnico. Os vascaínos miraram em Zé Ricardo, mas o treinador recusou a oferta. Atolado na zona do rebaixamento, o Cruz-maltino precisa de uma reação rápida. Já sob novo comando, a equipe visita o Atlético-GO na quinta-feira (7), às 21h, no Antonio Accioly.

admin

COMENTAR