SUB-20 VIRA VITRINE E VASCO CONTRATA DOIS JOGADORES ESTRANGEIROS

SUB-20 VASCO

Meio-campista titular do Vasco, Matías Galarza treina com o técnico do sub-20 Siston para a estreia do Carioca, na quarta-feira contra a Portuguesa. O meia de 19 anos, completados no início do mês, em breve vai receber a companhia de mais dois jovens compatriotas.

O Vasco acertou a contratação por empréstimo – até janeiro de 2022 – do atacante Elias Ovelar, de 19 anos, e do meia Diego Fernández, 18, este convocado nas últimas chamadas para a seleção paraguaia sub-20. Companheiro recente de Matías Galarza, por sinal, na Albiceleste, e na última convocação de Fabrizio Peralta, contratado pelo arquirrival Flamengo.

A dupla deve se apresentar ao Vasco durante a semana para assinar contrato de empréstimo até o fim de 2021. Os dois chegam com preço de direitos econômicos fixados – Ovelar deixa o Cerro Porteño e será vinculado a outro time paraguaio. Fernández, que fez estreia entre os profissionais ainda em 2019 (no Paraguai, os clubes são obrigados a relacionar atletas sub-20), pertence ao Sportivo Luqueño.

A chegada envolveu cena curiosa. O empresário Regis Marques publicou foto nas redes sociais ao lado de Maxi Biancucchi, ex-jogador do Flamengo e primo de Lionel Messi, hoje agente de futebol, ao lado de Ovelar. Na mesa, torcedores vascaínos notaram que havia escudo do Vasco na papelada – o contrato era de Fernández.

Matías Galarza, que teve boa participação na temporada vitoriosa da base vascaína de 2020, pertence ao Olimpia. A opção de compra é de cerca de US$ 700 mil. Ele está emprestado ao Vasco até janeiro de 2022.

No Twitter, o gerente da base do Vasco, Carlos Brazil, confirmou a negociação por Ovelar, informada inicialmente pelo analista de mercado da bola Emmanuel Luiz. Nas primeiras rodadas do Carioca, o time vascaíno terá base de jogadores formados em São Januário.

CONFIRA A FICHA DE MARCELO CABO, NOVO TÉCNICO DO VASCO, TITULOS E TIMES TREINADOS

O torcedor do Vasco deve lembrar de Cabo, quando ele dirigiu o Atlético-GO na conquista da Série B em 2016. Outro grande trabalho do carioca foi pelo CSA, quando recolocou a equipe alagoana de volta à elite do futebol brasileiro após 31 anos e ajudou o Azulão a erguer a taça do estadual, algo que não acontecia há 10 anos.

Confira a Ficha Técnica de Marcelo Cabo

Nome completo: Marcelo Ribeiro Cabo
Data de Nascimento: 06/12/1966 (54 anos)
Local de Nascimento: Rio de Janeiro (RJ)

Trajetória: Bangu (2004), Seleção da Arábia Saudita (2006- auxiliar técnico), Al-Nasr (2009-2010), Seleção Brasileira (2010- observador técnico), Figueirense (2010- auxiliar técnico), Al-Arabi (2010-2011), Tombense-MG (2013-2014), Nacional-MG (2014), Volta Redonda (2015), Macaé (2015), Ceará (2015), Tigres do Brasil (2016), Resende (2016), Atlético Goianiense (2016-2017), Figueirense (2017), Guarani (2017), Resende (2018), CSA (2018-2019), Vila Nova (2019), CRB (2019-2020), Atlético Goianiense (2020-2021) e VASCO DA GAMA (2020).

Títulos: 1 Campeonato Brasileiro da Série B (2016- Atlético Goianiense) , 1 Campeonato Goiano (2020- Atlético Goianiense) e 3 Campeonatos Alagoano (2018- CSA, 2019- CSA e 2020- CRB)

Áudio mostra tensão na cabine do VAR no intervalo de Vasco x Inter; clube pedirá R$ 100 milhões caso vá para a Série B

Vasco x Internacional
Áudio mostra tensão na cabine do VAR no intervalo de Vasco x Inter; clube pedirá R$ 100 milhões caso vá para a Série B

O Vasco tem novo elemento para reforçar sua tentativa de impugnar a partida contra o Internacional, disputada no último dia 14, em São Januário, e vencida por 2 a 0 pelos gaúchos. O conteúdo audiovisual do intervalo chegou às mãos do jurídico do clube. Pouco antes do reinício do segundo tempo, o tom sobe na cabine do VAR (confira no vídeo acima e em transcrição no fim da matéria).

Durante 17 minutos discutiu-se quase que exclusivamente o gol de Rodrigo Dourado, marcado em posição duvidosa e validado pela decisão do campo, do assistente Danilo Manis – o VAR apresentou problema técnico na análise do lance. O ge também teve acesso ao diálogo ocorrido no intervalo.

Além dessa nova prova, a direção vascaína, em manifestação enviada ao STJD na última quinta-feira, voltou a cobrar que sejam enviadas para o clube as imagens do pré-jogo de Vasco x Inter. O intuito do clube é ter acesso ao momento da calibragem do VAR e posteriormente comprovar que o material não estava funcionando desde o início do duelo.

Caso a tentativa do Vasco de anular a partida não prospere, o clube já trabalha em paralelo no sentido de mover uma ação cível contra a CBF e Hawk-Eye, empresa que opera o VAR no Brasileiro, pedindo uma reparação de R$ 100 milhões. Trata-se justamente do valor que o clube imagina vá perder caso o rebaixamento seja ratificado.

Confira trechos do diálogo entre o campo e a cabine do VAR no intervalo de Vasco 0x2 Internacional:

– 24”: Ô, meu, vai tá mostrando a gente no PGM aí hein. Ó, postura aí que tão mostrando a gente no PGM.
– 2’51”: Também não vamos tentar ir na ilusão de ótica, deixa dar o resultado, vai ser fornecido.
– 3’14”: Se você falar assim você não vai ganhar nada com isso. Não vai ganhar nada com isso. Não adianta. Você falar assim não melhora nada.
– 3’19”: Ei! Ei! Ei! Olha pra mim. Ei! Ei! Calma, tranquilo.
– 3’26”: O campo não tem nada a ver com, com o que aconteceu lá, entendeu? Entendeu [inaudível]?
– 3’36”: PGM tá mostrando. Não piore! Não piore! Não piore a situação!
– 4’25”: Não vem trazer a conta pra nós também. Calma, cara! Deixa ver! Vai rever! Amigo, esse jogo aqui não é só esse jogo não, cara! Por favor! (…) Você errou muito também! Mas muito!
– 4’41”: Tem um jogador lá na frente que pode ser que ele dê condição. É isso. Tá?
– 5’12”: Tem espaço pra caramba né?
– 5’14”: Deixa eu falar uma coisa aqui antes de começar [o 2º tempo], senhores. Principalmente vocês. Inteligência! Se tem qualquer coisa, deixa pra depois! O negócio é jogo. Tá bom?
Início do 2º tempo:
– 6’16”: Jogo! Vambora, vai.
– 6’20”: [bufada, como que indignado com a situação]. P… que pariu, velho.
– 6’25”: É outro jogo hein gente! Atenção hein time! Mais do que antes! Vamo lá, time! Atenção! 100%! 100%!

Fonte: ge

VASCO AO VIVO: CARIOCA EM PAY PER VIEW É ANUNCIADO, VEJA VALOR E COMO CONTRATAR

CARIOCA 2021

Quem é vascaíno apaixonado sabe que dia de jogo tem que ter uma preparação especial! Vestir a camisa da sorte, escolher o melhor lugar para assistir o jogo, discutir com os amigos a melhor escalação, etc. Mas a partir desta semana, a torcida vascaína vai incluir mais um item nessa lista: acessar a plataforma da Vasco TV exclusiva para a transmissão dos jogos do Campeonato Carioca 2021 de futebol!

Nesta segunda-feira (01/03), o Vasco da Gama iniciará a comercialização de seu pacote de pay-per-view exclusivo do Carioca, totalmente customizado de vascaíno para vascaíno, com conteúdos exclusivos que só a Vasco TV oferece ao torcedor.

Por menos de R$10 por partida, o torcedor do Vasco poderá assistir, além dos jogos, ao pré-jogo, intervalo e pós-jogo com imagens de bastidores, entrevista com jogadores, presença de ídolos, vascaínos ilustres, mesa redonda, coletiva de imprensa e muita interatividade. Uma camisa oficial será sorteada por jogo entre os torcedores que adquiriram o pacote.

O pacote completo (até 15 jogos) custará R$129 e poderá ser dividido em 4 vezes. O torcedor ainda tem a opção do pacote mensal, com o valor de R$49,90. São diversas opções de escolhas para o cruzmaltino ter a melhor experiência digital!

Toda a cobertura terá o tom especial da apresentadora Vanessa Riche, uma vascaína que levará informação e entretenimento aos 15 milhões de apaixonados pelo Gigante da Colina ao redor do mundo!

A Vasco TV transmitirá todos os jogos do Clube em uma plataforma de streaming com a cara do Vasco. Após negociação cooperada com as equipes do Botafogo e Fluminense, o acordo foi selado com a NSports, empresa de altíssima qualidade do mercado digital, com experiência em transmissão internacional e de outras modalidades.

O primeiro encontro na Vasco TV já está marcado para quarta-feira (03/03), quando o Cruzmaltino enfrentará a Portuguesa em sua estreia na competição estadual.

Todas as informações de compra e a programa completa serão disponibilizadas nos canais oficiais do Vasco, em breve.

Marcelo Cabo quer trazer jogadores do Atlético-GO para o Vasco

NewsColina! ® @newscolina
Marcelo Cabo afirmou que tem a intenção de indicar jogadores do Atlético-GO para o Vasco. O treinador irá conversar com o presidente do clube goiano para saber quais jogadores estão à disposição.

Fonte: Twitter NewsColina

Juniores: Negociação com atacante paraguaio está em andamento

Mercado da Bola Vasco (Reprodução MRNews)

Detetives Vascaínos @detetivevasco
Sobre o atacante paraguaio @Eliasovelars9, que muitos estão perguntando, acabei de falar com o gerente da base Carlos Brazil, que deu mais detalhes, porém reforçou que a negociação está em andamento. ‘Empréstimo pro Sub-20. Nada fechado ainda’, disse. #CanalDetetivesVascainos

Fonte: Twitter Detetives Vascaínos

CAMPEÃO GOIANO, MARCELO CABO ANUNCIA SAÍDA DO ATLÉTICO-GO NO DIA DO TÍTULO

Neste sábado,  Cabo se sagrou campeão goiano ao vencer nos pênaltis o Goianésia, após empate de um gol no tempo normal.  O treinador confirmou que está de saída para o Vasco.

Gabriel Rodrigues @gabrielcsr
⚠️ Marcelo Cabo, novo técnico do Vasco, à Radio Sagres, de Goiânia: ‘Coração não quer, mas razão pede. Decisão difícil essa de deixar o Atlético-GO. Estou voltando para o Rio, para um time grande’. #VascoENM

Fonte: Twitter do jornalista Gabriel Rodrigues/Esporte News Mundo

MARCELO CABO É O NOVO TÉCNICO DO VASCO

O carioca Marcelo Cabo, de 54 anos, terá sua primeira oportunidade em um grande clube do Rio na próxima temporada. Foi escolhido pelo Vasco para ser o treinador que tentará reconduzir o time à elite do futebol brasileiro. Cabo assinará contrato válido até dezembro de 2021 com o clube de São Januário, e chega com dois profissionais, um deles Gabriel Cabo, seu filho e auxiliar.

A negociação avançou muito neste fim de semana, com a proposta oficial do Vasco, passada ao empresário Alex Fabiano e a Regis Marques, que intermediou a contratação do treinador. Houve o acerto das bases salariais e do tempo de contrato, porém as partes aguardavam o final do Campeonato Goiano para fazer qualquer tipo de manifestação nesse sentido.

+Áudio do intervalo mostra tensão na cabine do VAR de Vasco x Inter; clube buscará R$ 100 mi em caso de queda confirmada

Cabo estava no Atlético-GO, clube do qual se despediu neste sábado com o título estadual após vitória nos pênaltis por 5 a 3 sobre o Goianésia – no tempo normal, o jogo terminou em 1 a 1.

Cabo foi o eleito em decisão colegiada do departamento de futebol, liderado pelo executivo Alexandre Pássaro. O Vasco também estudou outros nomes, como Lisca (América-MG), Fernando Diniz (sem clube), Pintado (Ferroviária) e Umberto Louzer (Chapecoense).

Marcelo Cabo iniciou a carreira de treinador em 2004, quando dirigiu o Bangu. Depois disso, dirigiu outros 16 clubes, entre eles Atlético-GO, Ceará, Figueirense e Guarani. Tem também em seu currículo passagens pelo Oriente Médio e foi observador técnico da Seleção na Copa do Mundo de 2010, quando Dunga estava à frente da equipe.

O grande trabalho de Cabo deu-se em 2016, quando conquistou a Série B com o Atlético-GO. No CSA também foi muito bem, tirando o time de uma fila de 10 anos no estadual com um bicampeonato e o recolocando na Série A, competição que não disputava há 31 anos.

Fonte: geMARCELO CABO

SIGA-NOS google news siga-nos

VASCO VAI TENTAR NO TAPETÃO REVERTER REBAIXAMENTO

O Vasco segue alimentando a esperança de evitar o rebaixamento para a Série B. Nesta quinta-feira, a equipe venceu com o Goiás por 3 a 2 em São Januário e empatou com o Fortaleza, primeira equipe fora da zona de rebaixamento, atrás no saldo de gols. Não há mais rodadas para jogar, não para 18 times do Campeonato Brasileiro. Porque, se depender do cruz-maltino, ele e o Internacional ainda vão se enfrentar de novo.

O clube carioca segue firme na tentativa de anular o jogo contra os gaúchos, devido à atuação do VAR no primeiro gol marcado pelo Inter na partida. É a única hipótese para o Vasco evitar a tragédia: anular o jogo e ao menos empatar o novo.

Enquanto isso não se define, o time está na Segunda Divisão. Nesta quinta, jogou a última rodada do Campeonato Brasileiro contra o também rebaixado Goiás e fez uma partida interessante, em alguns momentos. Com as duas equipes já praticamente sem chances de escapar da queda — ao menos pelas vias normais —, fizeram um jogo solto, de boas chances de gol para ambos os lados.

A marcação frouxa foi um convite para os atacantes. Germán Cano abriu o placar e marcou um golaço que foi corretamente anulado. Do outro lado, Fernandão se consagrou: empatou para o Goiás e nos acréscimos do primeiro tempo fez o segundo, da virada.

O segundo tempo começou com o Vasco cheio de mudanças e Gabriel Pec deixou Ygor Catatau na cara do gol. Tadeu espalmou.

O empate veio com Ricardo, na cobrança de escanteio no lance logo depois. Nos acréscimos, o zagueiro novamente apareceu bem na bola parada e fez novo gol de cabeça: 3 a 2 Vasco.

Foi a despedida de Vanderlei Luxemburgo, que não comanda mais o time. Nesta sexta-feira, o presidente Jorge Salgado dará entrevista coletiva para tratar dos planos do Vasco para a temporada na Segunda Divisão, inclusive abordar a procura por técnico.

Fonte: Extra Online

NOVO TÉCNICO DO VASCO: DINIZ, THIAGO NUNES, CUCA, DUNGA, VEJA QUEM É O NOME DA VEZ

Mercado da Bola Vasco (Reprodução MRNews)
Diretoria traça o alvo e vai partir em busca do substituto a partir de sexta-feira. Impugnação do jogo com o Inter segue em pauta e pode mudar o rumo do Campeonato Brasileiro.

Fonte: Youtube Fanático Vascaíno