CEO Lúcio Barbosa e CFO Kátia dos Santos Entregam Seus Cargos na SAF do Vasco, motivo revelado

CEO Lúcio Barbosa e CFO Kátia dos Santos Deixam Seus Cargos na SAF do Vasco

Na manhã desta terça-feira, o CEO Lúcio Barbosa e a CFO Kátia dos Santos entregaram seus respectivos cargos na SAF do Vasco. A decisão foi comunicada ao presidente Pedrinho, e fontes próximas à empresa revelaram os motivos por trás dessa mudança.

Motivos da Saída

Segundo informações de fontes internas, a interferência do CRVG, órgão que controla as ações, e o comprometimento com a governança da SAF foram determinantes na decisão. Houve relatos de interferência excessiva de pessoas ligadas à direção de Pedrinho, presidente do Vasco, no dia a dia da empresa, além de vazamentos de informações confidenciais que geraram insatisfação interna.

Clima Interno e Mudanças

Funcionários relataram um clima ruim nos últimos dias, marcado por insegurança em relação ao futuro da SAF vascaína. O vídeo do presidente Pedrinho prometendo mudanças na estrutura do futebol também não foi bem recebido nos bastidores da empresa.

A declaração de Pedrinho já indicava uma alteração na estrutura da SAF, sinalizando uma perda de poder do CEO Lúcio Barbosa, antes figura central no comando do futebol do Vasco. Desde a semana passada, Felipe e o diretor executivo Pedro Martins se reportavam diretamente a Pedrinho.

Relação Tumultuada

A relação entre Pedrinho e Lúcio já era tensa antes da decisão judicial que transferiu o controle da SAF do Vasco da 777 Partners para o clube associativo. Pessoas próximas ao presidente reclamavam da falta de comunicação do CEO com o CRVG. Pedrinho chegou a solicitar uma reunião exclusiva com representantes da empresa americana para expressar suas queixas sobre o executivo.

Futuro Incerto

Lúcio Barbosa, contratado pela 777 Partners, era considerado o homem de confiança da empresa no Brasil. Seu futuro no Vasco já era tido como incerto, especialmente após críticas à sua gestão por parte dos pares de Pedrinho, que também expressaram insatisfação com o estado dos cofres da SAF.

Com a saída de Lúcio e Kátia, a SAF do Vasco perde suas principais figuras administrativas, acendendo incertezas sobre os próximos passos da empresa.

Fonte: ge

admin

COMENTAR